LinkedIn: saiba quais as competências profissionais mais buscadas pelos empregadores

icone calendario07.01.2015 - 14:31

Com mais de 300 milhões de usuários no mundo, o LinkedIn é a maior rede social voltada para o mercado corporativo. Recentemente, o site divulgou uma lista das competências profissionais que os empregadores mais buscaram nos perfis em 2014.

Para começar bem o ano, podemos observar esse ranking e nos adaptar ao que o mercado tem procurado. É claro que os dados usados para a pesquisa foram somente o de usuários da rede social, mas ainda assim demonstra várias características importantes sobre mercado de trabalho atual.

Primeiramente, vejamos as habilidades mais buscadas no Brasil:

profissional1 – Análise estatística e de dados da mineração

2 – Recrutamento profissional

3 – Arquitetura web e conhecimentos em plataformas de desenvolvimento

4 – Middleware e integração de software

5 – Sistemas de armazenamento e gestão

6 – Rede, assim como informação

7 – Sistemas de controle e revisão de software de segurança

8 – Business Intelligence

9 – Marketing em mídia social

10 – Engenharia e armazenamento de dados e armazenamento

 

Agora as habilidades mais buscadas em todo o mundo:

1 – Análise estatística e de dados da mineração

2 – Middleware e integração de software

3 – Sistemas de armazenamento e gestão

4 – Segurança de redes e de informação

5 – Marketing baseado em SEO/SEM

6 – Business Intelligence

7 – Desenvolvimento para dispositivos móveis

8 – Arquitetura web e conhecimentos em plataformas de desenvolvimento

9 – Design de algoritmos

10 – Domínio de programação em Perl/Python/Ruby

 linkedin-screen-1940x900_34192

 

Para fazer bom uso do LinkedIn

Essa rede social pode trazer muitos benefícios para quem está em busca de um novo emprego, mas também é importante para quem deseja manter um bom marketing pessoal. Assim, para obter bons resultados usando essa ferramenta é necessário criar uma estratégia que trará benefícios em médio e longo prazo. Veja a seguir algumas perguntas sugeridas pelo site Academia do Marketing que você deve se fazer ao montar seu perfil:

– Quais são os seus objetivos de marketing pessoal no LinkedIn?

– Qual o tempo que você tem para se dedicar a isso?

– Qual a proposta de valor que você pode oferecer no LinkedIn?

– Qual o seu nível de conhecimento da ferramenta?

Depois de determinar seus objetivos, comece a colocar as ações em prática. É importante não cometer alguns erros comuns que podem minar todo seu trabalho. Veja quais são eles no artigo aqui do Blog da AIEC “Aproveite melhor o LinkedIn”.

 

Para obter qualificação diferenciada

Mais importante do que saber criar um perfil no LinkedIn é ter competências que são valorizadas pelo mercado de trabalho. Para isso, buscar conhecimento em instituições sérias e comprovadamente qualificadas é essencial. A Faculdade AIEC é a única instituição de ensino a distância que possui essas duas certificações: ISO 9001 e reconhecimento do MEC em todos os cursos.

Prepare-se para o mercado de trabalho! Conheça cada um dos cursos:

– Bacharelado em Administração

– Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas

– Tecnólogo em Gestão Financeira

– MBA em Finanças

– MBA em Captação de Financiamento

O que achou do assunto? Deixe seu comentário aqui no Blog da AIEC ou entre em contato conosco no Facebook  ou pelo e-mail atendimento@aiec.br

Fonte: Exame | Academia do Marketing