Estudantes

Por que estudar Português?

icone calendario24.01.2014 - 09:00

Dominar o português é condição básica para a boa comunicação e para o êxito profissional. Mas não se engane achando que, por ser sua língua materna e por utilizá-la 24 horas ao dia, você não precise mais estuda-lo. O Blog da AIEC lhe dá 7 bons motivos para fazer o curso de português:

1. Expressar-se bem

É fundamental que as pessoas compreendam o que você fala ou escreve, para isso, é necessário saber usar de forma correta e adequada a língua portuguesa.

Para o estudante Para o profissional
Falar e escrever corretamente é a base para passar em vestibulares e concursos. De nada adiantam boas ideias se você não souber colocá-las. Falar e escrever corretamente é essencial para conseguir boas colocações no mercado e para o desempenho de qualquer função. Alguns transtornos no ambiente de trabalho e até demissões são provocados por problemas de comunicação.

 

2. Aumentar o repertório

Quem sabe ler é capaz de entender qualquer tipo de texto e, com isso, adquirir cultura e aumentar o seu repertório.

Para o estudante Para o profissional
As provas de concurso e vestibulares exigem do candidato conhecimento gerais, o que só é possível adquirir se você entender o quê. Defender um ponto de vista, fazer proposições sobre um projeto ou simplesmente se fazer entender por seu chefe ou colegas: tudo isso depende de um razoável repertório vocabular e de informações.

 

3. Passar credibilidade

Sabe o que os grandes líderes políticos e religiosos têm em comum? Não, não é o carisma, é o domínio da língua. Os grandes líderes arrastam multidões, pois a forma segura e correta com que se expressam transmite credibilidade e autoridade.

Para o estudante Para o profissional
Ao compreender e interpretar textos, você saberá construir os argumentos necessários para se sair bem nas redações de concursos e vestibulares. Textos escritos corretamente em linguagem adequada passam credibilidade e são diferenciais na construção de um perfil de liderança.

 

4. Usar a linguagem adequada em qualquer situação

É importante saber que a verbalização oral é bem diferente da escrita, assim como cada grupo de pessoas se comunica conforme suas características e costumes. Conhecer as variações linguísticas é de suma importância para um bom relacionamento pessoal ou profissional.

Para o estudante Para o profissional
A língua portuguesa não é apenas matéria obrigatória em vestibulares e concursos, mas também a que mais reprova. Se no vestibular pede-se a elaboração de um texto dissertativo, deve-se usar o padrão culto da língua; se for uma carta a um amigo, deve-se usar a linguagem informal, porém observando as regras gramaticais. Você sabe a diferença? Para cada ambiente ou situação há um modo de comunicar e é fundamental saber distinguir em que circunstâncias usar “Vossa senhoria”, “você” ou “vc”, de modo a não parecer arrogante ou ignorante.

 

5. Estar bem informado

Já dizia o ditado: “quem não tem informação, não tem opinião.” A capacidade de ler e interpretar textos nos possibilita uma visão mais ampla dos fatos.

Para o estudante Para o profissional
A língua portuguesa é matéria unânime em vestibulares e concursos, mas também a de maior peso. Nas redações, a falta de conteúdo ou fuga ao tema é o que mais reprova. Estar bem informado é imprescindível, seja em uma entrevista de emprego ou quando se pretende uma promoção. Segundo especialistas, o mau desempenho na comunicação (oral ou escrita) e a falta de informação e vocabulário prejudicam os profissionais.

 

6. Descobrir o que está por trás do texto

Não se trata apenas de ler, mas de entender o que está implícito nos fatos noticiados, afinal, até os meios de comunicação não são totalmente isentos e é importante você construir uma opinião própria sobre os fatos.

Para o estudante Para o profissional
Para entender o que se passa com a economia mundial, você não precisa ser perito em economia, mas é fundamental saber interpretar os fatos noticiados. É muito comum o uso de textos não verbais (charges, gráficos, imagens) nas provas de concurso de vestibulares. No trabalho, ao ler um e-mail do seu chefe, além de entender o que é claramente pedido, você também deve perceber o que não foi exposto. Ás vezes as verdadeiras intenções não são ditas, mas estão implícitas nos textos e pode se tornar uma oportunidade.

 

7. Ter base para as outras disciplinas

Para o estudante Para o profissional
Acredite: você não aprenderá matemática se não souber português. Por mais estranho que possa parecer, para entender um problema matemático ou o conteúdo de qualquer outra disciplina, você precisa dominar o português. Pesquisas apontam que mais de 65% dos candidatos a estágio e a emprego são reprovados em testes de português ou de raciocínio lógico. A maioria por erros de interpretação ou simplesmente por não compreenderem o enunciado da questão e pelo uso inadequado da língua, como gírias ou erros ortográficos.

 

Então, o que você está esperando para começar a estudar e construir o seu diferencial? A AIEC oferece o curso de extensão de Leitura e Interpretação de Textos, para saber mais acesse http://www.aiec.br/hotsites/cursos-extensao-aiec/index.html