Prouni: saiba como se candidatar a bolsas integrais e parciais

icone calendario25.06.2013 - 17:35

inscrições-prouni

Para que estudantes concluintes do ensino médio, que não possuem condições de financiar cursos de graduação em instituições de ensino superior particulares, possam ter acesso ao ensino privado, o Governo Federal criou, em 2004, o Programa Universidade para Todos (Prouni), que concede bolsas integrais e parciais em cursos de graduação.

Direcionado aos egressos do ensino médio da rede pública ou da rede particular na condição de bolsistas integrais, o Prouni oferece dois tipos de bolsas: integral, para estudantes que possuem renda familiar, por pessoa, de até um salário mínimo e meio; e parcial de 50%, para estudantes que possuem renda de até três salários mínimos por pessoa. Desde a sua criação, o Prouni já atendeu a mais de 1 milhão de estudantes, sendo 67% com bolsas integrais.
Para se candidatar ao programa, referente ao segundo semestre deste ano, é necessário que o estudante não possua diploma de nível superior, que tenha participado do Enem de 2012, no qual tenha obtido 450 pontos na média das cinco notas e nota acima de zero na redação. A seleção dos candidatos é feita por meio das notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), selecionando, dessa forma, o mérito dos estudantes com melhores desempenhos acadêmicos.
Inscrições
As inscrições para o Prouni 2013 começaram na última sexta-feira (21). O prazo termina no dia 25, às 23h59. O resultado da primeira chamada será divulgado em 28 de junho. Segundo dados do Ministério da Educação, o programa vai oferecer 90.010 bolsas, sendo 55.658 integrais e 34.352 bolsas parciais. Para conferir quais são as instituições participantes do Prouni, basta acessar o site do programa no período de inscrições. O candidato deverá escolher as opções de curso, turno e instituição de ensino superior, dentre as disponíveis conforme o perfil socioeconômico.

Fonte: Prouni – Ministério da Educação