Redes sociais na vida profissional – um cuidado a mais

icone calendario12.06.2014 - 09:57

Apesar da maior parte das informações publicadas em redes sociais serem pessoais, elas revelam muito do perfil profissional de um funcionário ou candidato da empresa. O uso consciente pode ser um benefício.

 

O número de pessoas conectadas cresce a cada dia. Segundo o IBOPE Media, no segundo trimestre de 2013, o total de pessoas com acesso à internet no Brasil era de 105,1 milhões. Em fevereiro de 2014, só no Brasil mais de 61,1 milhões de pessoas possuíam uma conta na rede social. Com dados tão significativos, os recrutadores estão atentos ao comportamento do candidato que, mesmo tendo um currículo excelente, revela nas redes sociais outras características que podem ser vistas como negativas.

 

O lado positivo

Você sabe usar as redes sociais a seu favor? Antes de publicar ou compartilhar algo, pense se a publicação demonstra suas qualidades profissionais. Você também pode usar esses ambientes para divulgar suas conquistas profissionais, sempre atento para não cometer exageros. É possível conciliar sua vida pessoal sem prejudicar a profissional.

A consultora em marketing digital e mídias sociais, Martha Gabriel, afirma que “no ambiente digital, as boas ideias e ações conseguem visibilidade e apoio de forma muito mais rápida e espontânea”, use isso a seu favor. Divulgando dicas e pensamentos interessantes você pode se tornar uma referência para outros profissionais e colegas de trabalho.

 

O lado negativo

Fique atento a fotos inadequadas e frases que demonstrem um perfil não comprometido profissionalmente. Podemos citar um exemplo simples: apresentar um atestado no trabalho no mesmo dia em que há fotos suas passeando ou curtindo em outro lugar.

Procure não compartilhar informações que você não conhece a fonte. Pense se o que você está publicando é útil, bom ou agradável. Pergunte-se se a publicação trará benefícios para você, contribuindo com o perfil que deseja transparecer para as pessoas. Compartilhar algo incorreto às vezes é praticamente irreversível.

 

Dicas práticas

 

Selecionando público

No Facebook, você pode selecionar o público para quem você deseja que a publicação seja visível. Uma boa alternativa é criar grupos diferentes que separem, por exemplo, amigos da faculdade, amigos de trabalho, familiares, etc. Assim, antes de publicar, escolha os grupos que verão a informação. Ou, se preferir, você também pode selecionar as pessoas específicas que você não quer que vejam o que está sendo publicado. Confira onde fazer isso nas imagens.

1

 2

 

 

Informações do perfil

Capriche nos dados que são colocados no item “sobre” do seu perfil do Facebook. Informe as empresas mais relevantes que você trabalhou, a instituição de ensino e o curso que você faz sua graduação ou especialização e a cidade onde mora. Você também pode falar um pouco sobre você, sempre lembrando de ser objetivo, natural e verdadeiro. Se souber outros idiomas e tiver citações favoritas, existem locais apropriados onde você pode incluir essas informações.

Selecionamos o exemplo de Mark Zuckerberg, fundador do Facebook, para ilustrar esses dados.

 3

 4

Fontes: IBOPE Media, Catho e Uol.