Saiba porque você deve estudar música

icone calendario17.02.2016 - 09:00

Você já ouviu falar do Efeito Mozart? Ele é um termo criado por Alfred A. Tomatis. Ele afirmava que, depois de ouvir a sonata de Mozart para dois pianos (K448) por 10 minutos, indivíduos normais mostraram habilidades de raciocínio espacial significativamente melhores. Mais tarde, essa teoria foi melhorada, e segundo o site Ciência e Tecnologias, pesquisas recentes mostraram que o “efeito Mozart” não se restringe apenas à musica de Mozart e sim a qualquer música que o individuo aprecie. Inclusive, tocar um instrumento pode ter o mesmo efeito.

 

“Se não fosse físico, acho que seria músico. Eu penso em termos de músicas. Vejo minha vida em termos de música”. (Albert Einstein)

 

Pensando nisso, veja outros motivos pelos quais você deve considerar estudar música.

 

1. Confiança e criatividade

A música é feita a partir de um processo criativo. Além disso, quando você está aprendendo a tocar um instrumento, seu cérebro é instigado a criar algo novo, o que torna esse objeto um canal para sua criatividade. E o resultado positivo (a melodia) gera um sentimento de realização e confiança.

 

2. Trabalho em equipe

Uma orquestra, banda ou qualquer grupo musical não pode existir sem sintonia, organização e colaboração. Isso vale também para qualquer trabalho em equipe que você exerce no mundo corporativo ou faculdade. Na música, o trabalho sozinho pode ser muito bom, mas nunca será tão bom quanto em grupo.

  orquestra-musica 

3. Inovação

Assim como na música, em que é preciso conhecer todas as notas disponíveis para produzir o melhor resultado final, no trabalho e na faculdade também é essencial visualizar todos os processos e possibilidades para entregar um bom projeto.

 

4. Disciplina

Em várias áreas da vida é preciso ter disciplina, persistência e concentração. Para aprender música você vai precisar desenvolver as mesmas habilidades. Estudar música e tocar um instrumento não é tarefa fácil. Até quem tem um talento nato precisa ter dedicação para conquistar novas habilidades. E, assim como na vida, o resultado final é gratificante, o que ajuda a alimentar a vontade de progredir ainda mais.

 

concentracao

5. Coordenação

Tocar um instrumento, e até cantar, exige muita coordenação. Você vai precisar ler as notas musicais em uma página, coordenar os movimentos do seu corpo e manter o ritmo – tudo ao mesmo tempo. Para isso, o seu cérebro converte notas em padrões motores específicos, dispondo também de respiração e ritmo.

 

6. Alívio do estresse

A música é uma forma de expressar sua emoção e isso alivia o estresse do dia a dia e pode ser uma excelente forma de tratamento para depressão, por exemplo. Inclusive, a musicoterapia tem sido útil no tratamento de crianças e adolescentes com autismo e outros distúrbios.

 

7. Concentração

Para reproduzir uma música você precisará coordenar o tempo, ritmo, altura, tom, melodia, duração da nota e qualidade de som. Tudo isso só poderá ser feito se houver concentração. Tudo isso é ainda mais enfatizado se você estiver tocando em uma orquestra, onde deverá também concentrar-se no som dos demais instrumentos.

 

 

logo-aiec-facebookAIEC, o único sistema de ensino a distância com qualidade superior ao presencial.

Conheça nossos cursos, clicando aqui.

 

 

E então, você já considerou estudar música para desenvolver novas habilidades? Conte para nós! Deixe seu comentário aqui no Blog da AIEC ou entre em contato conosco no Facebook  ou pelo e-mail atendimento@aiec.br

 

Fonte: Universia, Ciência e Tecnologia, The Skepdic Dictionary, Mundo Max [com adaptações].