Alta performance: o que significa e como desenvolver equipes produtivas

Ter uma alta performance e atingir os objetivos traçados com primor é um desejo comum para profissionais e empresas.

No entanto, chegar a esse nível de realização não é tarefa fácil, ainda que dependa, basicamente, de nós mesmos.

Muitas pessoas atribuem a alta performance ao ambiente corporativo, como a meta de se tornar um profissional completo e bem-sucedido.

Mas o conceito também se aplica à rotina fora do escritório.

Até porque, embora alguns insistam em fazer distinção entre vida pessoal e profissional, não dá para negar que ambos os aspectos estão conectados.

Afinal, fazem parte de quem somos.

Por isso que, na maioria dos casos, quando se busca desenvolver equipes produtivas em uma organização, é preciso ter um olhar mais atento e voltado às individualidades.

Questões particulares podem interferir no desempenho do colaborador. Assim como um período difícil no trabalho é capaz de prejudicar o relacionamento familiar, por exemplo.

Ou seja, o processo para alcançar a alta performance é, de certa forma, complexo e dependente de muitas variáveis.

Mas, antes que você conclua que não há saída, queremos tranquilizá-lo.

Há, sim, diversas ferramentas e estratégias que ajudam uma pessoa ou equipe a se tornar mais produtiva.

E trataremos delas aqui, neste artigo.

Acompanhe as próximas linhas!

alta performance

O que significa alta performance?

Alta performance não tem a ver só com bom rendimento. Ela é mais abrangente do que isso.

A alta performance está ligada à motivação, desenvolvimento constante e busca por metas, cada vez mais ousadas.

Ou seja, ela significa ir além, superar as expectativas e não só chegar no topo, mas se manter lá em cima pelo máximo de tempo possível.

É atingir um patamar que poucos conquistam.

É reunir um conjunto de habilidades e atitudes únicas que aproximam as pessoas de seus objetivos.

Podemos concluir, portanto, que o bom rendimento é uma consequência da alta performance e não um sinônimo.

Quando se atinge esse status é natural que o desempenho apareça e as coisas passem a acontecer conforme as expectativas.

Alta performance pessoal

Como a alta performance é um conceito atrelado diretamente aos seus objetivos, ela não precisa ficar presa apenas ao contexto profissional, ainda que seja a associação mais fácil a se fazer.

Reforçando o que já dissemos anteriormente, ela também pode ser aplicada no âmbito pessoal.

Basta que você encontre o equilíbrio e a motivação necessária para conquistar as suas metas particulares também.

Ter a casa própria, lançar um livro, fazer uma viagem de volta ao mundo, constituir família, comprar o carro do ano, desenvolver hábitos saudáveis e passar mais tempo com seus amigos são alguns exemplos de objetivos pessoais que podem levá-lo à alta performance nessa esfera.

Alta performance profissional

A alta performance profissional, no entanto, está ligada diretamente à superação dos objetivos relativos ao mundo dos negócios.

Atingir essa marca significa se destacar no seu segmento, ser uma referência, além de, é claro, cumprir o seu plano de carreira à risca e conquistar metas definidas pela organização em que trabalha.

Esse tópico merece mais profundidade. Falaremos mais sobre o assunto.

O que são equipes de alta performance?

Dentro da alta performance profissional, podemos incluir as equipes que têm desempenho extraordinário.

Aqueles times que trabalham em conjunto, possuem certa flexibilidade, conhecem a cultura organizacional como ninguém e, frequentemente, superam as metas estabelecidas.

Esses colaboradores são a verdadeira força motriz para qualquer empresa.

Afinal, o sucesso ou o fracasso de uma empresa estão intimamente ligados à competência e evolução das pessoas.

Portanto, manter sua equipe motivada, com o apoio de políticas de valorização, é fundamental para que ela continue entregando os resultados esperados.

Por que se preocupar com a performance?

Empresas que investem em uma cultura de alta performance alcançam resultados muito melhores.

Segundo pesquisa realizada pela consultoria Ernst Young, organizações que adotam essa postura percebem o colaborativismo entre seus funcionários.

A característica é 50% mais presente do que em organizações que ainda não possuem qualquer tipo de incentivo ao desempenho.

A relação entre colegas de trabalho também fica muito mais próxima. Na média, eles passam 7.8 horas juntos por semana.

Veja outros números importantes que mostram bem a diferença entre empresas que se preocupam com a alta performance:

  • São 58% mais organizadas e com mais facilidade de planejar cenários
  • São 54% mais capazes de realizar análise de desempenho
  • Têm um aproveitamento 52% superior no preenchimento da lacuna entre o planejamento estratégico da força de trabalho e a execução operacional
  • São 49% mais eficientes na análise de habilidades.

Além disso, empresas que investem na alta performance têm uma atuação muito mais estratégica.

Isso se explica pelo grau de comprometimento dos profissionais, inclusive pela dedicação em resolver problemas e encontrar novas soluções.

Para objetivos de carreira

Se não bastassem todas essas vantagens, a alta performance colabora para que os sonhos profissionais sejam concretizados.

Afinal, a motivação é um fator determinante para que o indivíduo continue na luta pelos seus objetivos.

E, assim, consiga ficar mais perto de obter uma promoção, o aumento salarial, a troca de setor ou outros benefícios.

São vitórias que, somadas, são marcantes e decisivas para que o sucesso na carreira seja sólido e duradouro.

Para objetivos organizacionais

O mesmo vale para a conquista de objetivos organizacionais.

Diminuir os custos e o desperdício, aumentar as receitas e o faturamento, atrair novos clientes e fidelizá-los, lançar novos produtos no mercado, fortalecer a marca, ampliar o segmento de atuação e desenvolver uma política de responsabilidade social.

Todos esses objetivos, para serem cumpridos, requerem compromisso, engajamento, motivação e busca constante por conhecimento.

Ou seja, a alta performance.

alta performance

6 habilidades e competências que marcam a alta performance

Para quem pretende performar melhor, em qualquer âmbito, uma atitude é indispensável: o desenvolvimento de competências e habilidades.

Algumas delas são essenciais na maioria dos casos.

Veja a seguir!

1. Gestão do tempo

Quantas vezes você reclamou de falta de tempo?

Certamente, já desejou que o seu dia tivesse mais do que 24 horas para dar conta de toda a sua lista de afazeres.

No entanto, em quase todas as ocasiões, o problema não é a falta de tempo em si. O que realmente interfere na agenda é a forma como você administra ela.

Por essa razão, seu desafio é tentar ser o mais produtivo possível nas horas disponíveis, sabendo dosar as obrigações com os momentos de lazer.

A chave para o sucesso é sempre o equilíbrio.

Nada de abusar das horas extras ou de ficar levando trabalho para casa. Tudo tem hora e lugar.

2. Comunicação eficaz

Por mais irrelevante que possa parecer um suporte, a verdade é que não conseguimos nada sozinhos.

Por isso, sempre que houver a chance de pedir ajuda a alguém, não hesite.

Nesse caso, é importante saber se comunicar.

Afinal, o outro precisa compreender exatamente o que deve ser feito para que consiga executar a ação com excelência e atender à sua expectativa.

Uma comunicação eficaz envolve muito mais do que a fala. Os gestos, por exemplo, também exprimem as mensagens.

O importante é usar os meios e recursos disponíveis e garantir que o receptor tenha a clareza necessária.

3. Foco

De todas as habilidades fundamentais para atingir a alta performance, o foco, talvez, seja a mais importante.

Sem determinação, não se chega a lugar algum.

Se você estiver, realmente, decidido a conquistar algo, as suas chances de conseguir alcançar esse objetivo aumentam exponencialmente.

Ou seja, você precisa estabelecer prioridades em sua vida.

Uma boa maneira de fazer isso é determinar prazos para cumprir essas metas e estipular prêmios para quando forem cumpridas.

Assim, você consegue manter uma certa disciplina, além do que, as recompensas servem como estímulo para que você continue a buscar a realização dos seus sonhos.

4. Resiliência

Ninguém disse que ia ser fácil.

Alguns objetivos podem ser mais difíceis do que parecem e, por isso, além de foco, você precisa ter resiliência.

Não importa o que aconteça, continue acreditando em você e não deixe que seus medos o paralisem.

É natural sentir receio. Todos nós sentimos.

Mas o que distingue as pessoas de alta performance é a maneira de lidar com suas emoções.

Em vez de interromperem seus desejos por conta dos obstáculos enfrentados, elas transformam as barreiras do caminho em verdadeiros estímulos.

O mais incrível disso tudo é que, normalmente, ao se desafiarem, descobrem que são capazes de ultrapassar limites.

5. Inteligência emocional

O nome dado à habilidade de identificar e lidar com as emoções é chamado de inteligência emocional.

Essa competência ajuda a controlar os impulsos e a encarar os desafios de maneira racional e equilibrada.

A inteligência emocional também faz com que o indivíduo consiga extinguir as crenças limitantes, que são aqueles pensamentos como “não posso”, “não consigo” ou “sou incapaz”.

6. Autogestão

Mesmo que a sua empresa tenha um grande líder positivo, você precisa ter a capacidade de autogestão. Ou seja, tomar as suas próprias decisões e ser proativo.

Isso não significa dizer que você deva desrespeitar hierarquias ou deixar de seguir determinadas ordens.

Apenas, que ter a sua própria autonomia também é importante.

Esse conselho vale também para a sua vida pessoal.

Quando foi a última vez que você fez algo que realmente tivesse vontade?

Como ter alta performance no trabalho

As dicas trazidas acima, certamente, vão colaborar para que você atinja a alta performance no trabalho.

Mas, além delas, você deve fugir da sua zona de conforto e se manter sempre em busca de novos objetivos.

Quem se contenta com a sua posição atual e cede à inércia, dificilmente, vai arranjar forças para se desafiar a voos mais altos.

Como desenvolver equipes de alta performance

Em um ambiente corporativo, todos têm um papel importante para atingir a alta performance.

Mas existe uma figura fundamental nesse processo, que é a do líder.

Afinal, ele é o responsável por manter a motivação, gerar engajamento, extrair o máximo desempenho da equipe e garantir que os resultados sejam alcançados pelos colaboradores.

Por isso, é fundamental ter a competência de liderança, que pode ser inata – um talento natural – ou desenvolvida.

Nesse sentido, a Associação Internacional de Educação Continuada (AIEC) pode ajudar você.

O Curso de Formação de Líderes possui um formato diferenciado, que pode ser concluído em até seis meses.

O programa conta com 18 aulas. Cada uma delas aborda um tema extremamente relevante para a sua formação.

Entre os conteúdos abordados, aqueles que mais se destacam são:

  • Teorias motivacionais
  • Trabalho emocional
  • Metodologia de reuniões
  • Decisões criativas
  • Barreiras à criatividade
  • Geração de ideias criativas
  • Introdução do raciocínio lógico
  • Pacote de valor
  • Componentes de valor
  • Critérios de avaliação.

Como você pode ver, a formação é bastante focada na utilização da criatividade para superar as dificuldades da rotina produtiva, bem como na valorização dos aspectos emocionais na busca pela alta performance.

A AIEC é a única faculdade de ensino a distância do Brasil com certificação internacional de qualidade, o ISO 9001.

Logo, você pode usufruir de toda a praticidade de uma instituição EaD, sem abrir mão do compromisso com o ensino de excelência.

alta performance

Conclusão

Atingir a alta performance é algo extremamente desafiador.

Porém, com o desenvolvimento de algumas habilidades, motivação e a capacitação ideal, você pode chegar a esse patamar.

E o melhor: consegue se manter por lá.

Você viu neste artigo que a alta performance não se trata de apenas ter um bom desempenho, mas de ser uma pessoa em constante evolução e preparada para encarar os desafios.

Só assim você será capaz de conquistar os seus objetivos, sejam eles pessoais ou profissionais.

Invista em você mesmo. Faça isso se matriculando no nosso Curso de Formação de Líderes.

Além de buscar a sua evolução, você ainda se torna apto a extrair o melhor das pessoas que estão à sua volta.

A AIEC possui os melhores cursos para você ir mais longe. Acesse o site e confira as opções disponíveis.

Caso tenha achado esse conteúdo relevante, compartilhe com seus amigos nas suas redes sociais.

E não se esqueça de deixar seu comentário sobre o que acabou de ler no espaço logo abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *