Curso de gestão financeira: o que estuda, onde fazer e mercado

Quer conhecer mais sobre o curso de gestão financeira? 

Essa é uma decisão inteligente, pois estamos falando sobre uma área não apenas promissora, mas cujo conhecimento é fundamental para a sobrevivência e crescimento de qualquer empresa.

Trata-se de uma formação imprescindível para quem deseja trabalhar com finanças, mas também é uma opção recomendada para gestores que querem se qualificar na posição que ocupam e nos resultados que promovem.

Afinal, o mercado de trabalho está cada vez mais exigente e, assim, é necessário se qualificar para desempenhar um bom papel e se tornar um profissional de destaque.

A formação técnica e a especialização em gestão financeira apresentam uma grande vantagem: fornecem informação de qualidade, com objetividade e adequação às necessidades dos postos de trabalho.

Portanto, se você se interessa pelo tema e está pesquisando informações sobre o curso, não deixe de acompanhar este artigo até o final.

Por aqui, você encontrará as explicações e esclarecimentos que precisa.

Acompanhe!

gestao_financeira

O que é o curso de gestão financeira?

Antes mesmo de entendermos do que se trata o curso, é preciso compreender o que é a gestão financeira. 

Essa é uma área fundamental para o bom funcionamento das organizações.

Sejam elas empresas ou empreendimentos sem fins lucrativos, gerenciar as finanças é um trabalho de grande importância para manter as organizações vivas.

Os recursos financeiros de uma instituição são o “combustível” para seu funcionamento. 

O capital que ingressa no caixa o responsável por cobrir todos os custos e despesas de operação.

Gerir as receitas de uma organização é, assim, um papel crucial para o bom andamento das atividades. 

Mal administradas, as finanças podem levar a desfechos graves, como a falência.

Portanto, a gestão financeira de empresas e outras instituições é uma das áreas mais sensíveis. 

Por isso mesmo, ela precisa de profissionais altamente qualificados, para que estes possam organizar adequadamente as entradas e saídas de dinheiro.

Uma grandiosa responsabilidade, não é mesmo?

Assim, toda pessoa que trabalha com as finanças de uma organização deve ter no currículo um bom curso de gestão financeira. 

Somente com o aprendizado de alta qualidade, esse profissional terá a capacidade de tirar o melhor proveito dos recursos de uma organização.

E como veremos ao longo do texto, o curso de gestão financeira representa um período no qual o aluno aprenderá sobre os diversos ramos das finanças e, assim, será capaz de gerenciar melhor o capital das empresas nas quais atuará ao longo da carreira.

Como funciona o curso de gestão financeira?

Agora, você já conhece um pouco mais sobre a importância da gestão financeira e como o curso é necessário.

Para avançarmos, veja algumas respostas aos questionamentos mais comuns sobre a formação e entenda como ela funciona.

Curso de gestão financeira: o que estuda?

Dentro da área financeira, existem diversos departamentos, como tesouraria, gestão de contas (a pagar e a receber), contabilidade, planejamento financeiro, gestão de riscos, gestão de impostos, relação com investidores, fiscal, entre outros.

Cada organização irá estruturar as suas finanças de acordo com suas necessidades e possibilidades. 

Além disso, a hierarquia entre as funções também muda conforme a estrutura organizacional.

O gestor financeiro fará frente a todos esses diferentes setores. Por isso, ele deve ter amplos conhecimentos sobre eles.

Além disso, o profissional de gestão de finanças não executa a parte operacional das atividades. Ou seja, ele não fechará o caixa ou fará cobranças a clientes inadimplentes.

Sua função está relacionada ao gerenciamento dos recursos financeiros e humanos, estando em nível tático e estratégico. Em outras palavras, faz a gestão de dinheiro e pessoas.

Dessa forma, é extremamente necessário que ele tenha aulas teóricas e práticas sobre liderança e relações interpessoais, além de estudar matérias de Ciências Exatas.

Por fim, o gestor financeiro ainda precisa ter um olhar mais amplo sobre toda a organização e suas relações com o mercado. 

Portanto, ele deve aprender sobre Administração e os temas que envolvem à área.

Curso de gestão financeira: grade curricular

Veja, a seguir, qual é a grade curricular ideal para um curso em gestão financeira.

A lista de disciplinas toma como base a formação oferecida pela AIEC no nível tecnólogo.

  • Filosofia e ética na Administração
  • Formação de líderes
  • Teoria geral da Administração
  • Administração mercadológica
  • Gestão empreendedora
  • Matemática e lógica
  • Mercado de capitais
  • Análise das demonstrações financeiras
  • Funções administrativas
  • Contabilidade básica
  • Matemática financeira
  • Microeconomia
  • Contabilidade gerencial
  • Administração de pessoas
  • Comunicação empresarial
  • Noções gerais de Direito
  • Análise de investimentos
  • Sistemas de informações gerenciais
  • Produtos e serviços financeiros
  • Macroeconomia
  • Estatística aplicada à Administração.

Estudando desde Matemática até Direito, o gestor financeiro obterá uma visão holística sobre seu trabalho. 

Isso quer dizer que ele conseguirá entender a organização como o complexo sistema que é e, assim, pensar no “todo” muito mais do que somente em seu departamento.

Apesar de haver muitas matérias sobre as áreas exatas – como contabilidade e análise de demonstrações financeiras – a formação em finanças exige muito conhecimento humano.

Como vimos, o gestor terá que lidar constantemente com colegas, fornecedores e prestadores de serviços. Portanto, deve ser ótimo negociador e líder

Essas habilidades podem – e devem – ser aprendidas em sala de aula.

Escolha, assim, um curso de gestão financeira que proporcione um aprendizado completo.

Se a opção for por um MBA em Finanças, a grade pode sofrer ligeira mudança.

Veja algumas disciplinas na formação de Master of Business Administration da AIEC:

  • Matemática financeira
  • Contabilidade avançada
  • Conceitos econômicos e financeiros
  • Instrumentos de renda fixa
  • Análise de investimento
  • Planejamento e gestão orçamentária
  • Instrumentos de renda variável
  • Ofertas públicas de ações
  • Compliance legal e ética
  • Formação de líderes.

O foco, nesse caso, passa a ser uma especialização em nível mais avançado e aprofundado em finanças. 

O especialista, então, estuda áreas mais técnicas e complexas da gestão financeira, com atenção especial para mercado e investimentos.

gestao_financeira

Curso de gestão financeira: quanto tempo dura?

O tempo de duração do curso de gestão financeira vai depender da modalidade escolhida pelo aluno.

No caso do curso no nível tecnólogo, a capacitação dura entre um ano e meio e dois anos e meio. 

A média fica em dois anos – tempo ideal para que o estudante entre em contato com diversas áreas do conhecimento e ainda consiga realizar atividades práticas.

Já a especialização em finanças tende a ser um pouco mais rápida. Isso se deve ao fato de que o aluno que ingressa em um MBA já tem noções sobre vários conteúdos.

Assim, o MBA em Finanças varia entre 12 e 18 meses. 

Considerando a formação prévia do pós-graduando, este também é um período objetivo – ao mesmo tempo em que é suficiente – para que o indivíduo estude os conceitos financeiros avançados.

Curso de gestão financeira: mercado de trabalho

Finanças têm um ótimo mercado de trabalho. 

Segundo a Revista Infomoney, 5 profissões da área financeira estão em alta, com salários que variam de R$ 7 mil a R$ 25 mil. São elas:

  • Gerente de planejamento financeiro, com salário entre R$ 14 mil e R$ 25 mil
  • Gerente de parcerias e canais, com salário entre R$ 15 mil e R$ 20 mil
  • Consultor de Investimentos, com remuneração fixa a partir de R$ 8 mil + remuneração variável
  • Analista de controladoria sênior, com salário entre R$ 7 mil e R$ 10 mil
  • Especialista tributário, com salário entre R$ 9 mil e R$ 15 mil.

Além dessas altas funções, o gestor financeiro pode atuar gerenciando setores específicos de uma organização – como contabilidade, gestão de riscos e contas – ou trabalhar gerindo toda a área de finanças.

Essas questões, como vimos, dependerão do porte e estrutura do organograma da instituição.

A empresa de recrutamento Robert Half fez um levantamento sobre o mercado de trabalho e analisou a situação para profissionais especializados em cargos de média e alta gerência.

Especificamente para as áreas de finanças e contabilidade, a demanda é por profissionais com as seguintes habilidades:

  • Visão estratégica
  • Boa comunicação
  • Dinamismo
  • Capacidade de influenciar
  • Domínio do idioma Inglês
  • Visão do negócio
  • Orientação a resultados
  • Perfil multidisciplinar.

Por isso, é muito importante avaliar adequadamente a instituição de ensino do curso de gestão financeira, a fim de se certificar sobre sua adequação às exigências do mercado de trabalho.

Os estudos sobre finanças devem possibilitar ao aluno a segurança necessária para que ele trabalhe confiante em suas habilidades técnicas e profissionais.

Quanto custa o curso de gestão financeira?

Para alcançar os bons salários do mercado financeiro, o investimento em estudos pode ser proporcional.

Os valores variam de acordo com a modalidade do curso e instituição. 

Contudo, para proporcionar um ensino de qualidade, o valor precisa ser justo para alunos e formadores.

Assim, o curso tecnólogo de gestão financeira pode ter mensalidades a partir de R$ 250 e valores que chegam a mais de R$ 1.000.

Já o MBA em Finanças pode demandar investimentos totais de até R$ 50 mil.

Por que fazer o curso de gestão financeira?

Você se consultaria com um médico que não se formou em Medicina? Viajaria em um avião pilotado por uma pessoa sem conhecimentos técnicos sobre voo?

Pois é, as finanças de uma empresa também devem ser feitas por profissionais competentes e que tenham formação na área.

Assim, o curso de gestão financeira – seja tecnólogo ou pós-graduação –, precisa ser feito por todos aqueles que desejam trabalhar no setor.

Profissionais de finanças devem ser profundos conhecedores da parte técnica e, especialmente os gestores, precisam ter habilidades de relacionamento humano para se destacarem no mercado.

Veja, a seguir, quais são as vantagens que os alunos de gestão financeira encontram ao fazer curso na área de finanças.

Vantagens do curso de gestão financeira

Aprender e aperfeiçoar conhecimentos sobre gestão financeira é importante por diversos motivos. Dentre os principais, podemos citar:

  • Mercado de trabalho aquecido e com demanda constante por bons profissionais
  • Mudanças e atualizações em leis e regras financeiras. O gestor financeiro deve, portanto, estar atualizado quanto às normas de finanças vigentes
  • Destaque profissional frente aos demais trabalhadores do setor. Ao escolher por uma instituição renomada e de qualidade, a formação é muito mais aprofundada e, dessa forma, o aluno “sai na frente” no mercado de trabalho.

Além disso, as interações com professores e outros estudantes de gestão financeira são muito importantes para atualizar contatos e fortalecer o networking.

Especialmente nos cursos à distância, o relacionamento com colegas e professores faz toda a diferença para o gestor financeiro.

Com as interações virtuais, ele consegue se comunicar com gente de todo o mundo e, assim, estar atualizado sobre as melhores práticas de finanças.

Além disso, o contato com outros profissionais traz ricas e importantes experiências de fracasso e sucesso, engrandecendo o conteúdo aprendido nas aulas.

Onde fazer o curso de gestão financeira?

Agora que você já conhece tudo sobre os cursos de gestão financeira e os motivos para ingressar nessa importante área organizacional, deve estar se perguntando: onde posso estudar finanças?

Como vimos, a qualidade do ensino é fundamental, especialmente se tratando de um setor tão importante para as organizações.

Para se destacar no mercado, é imprescindível buscar uma instituição educacional reconhecida. 

A grade curricular deve atender às suas expectativas e as do mercado de trabalho. 

Além disso, o curso precisa possuir uma equipe de professores diversificada e capacitada.

A AIEC atende a todos esses requisitos, sendo a única faculdade EAD do Brasil com certificação internacional de qualidade ISO 9001. 

Por isso, formamos executivos para as melhores empresas.

Confira nossas modalidades de cursos de gestão financeira:

Curso de gestão financeira a distância

Ter tempo é qualidade de vida. Assim, estudar finanças a distância possibilita um ensino de qualidade, dentro da sua rotina.

A AIEC oferece o curso Tecnólogo em Gestão Financeira com grade diversificada e de excelência. 

Nele, você desenvolverá habilidades fundamentais ao mercado de trabalho atual.

MBA em Finanças

Para indivíduos com graduação, a AIEC disponibiliza o MBA em Finanças na modalidade semipresencial.

A especialização aprofunda os conhecimentos financeiros, formando gestores de fundos e de carteiras, executivos de empresas e de bancos, consultores de investimentos e outros profissionais do segmento.

gestao_financeira

Conclusão

A área de finanças é – e sempre será – uma parte fundamental para a sustentabilidade e desenvolvimento de organizações. 

Portanto, o mercado de trabalho para gestores segue aquecido.

Para ingressar no segmento, profissionais devem se formar e atualizar em cursos de gestão financeira de qualidade.

Por isso, na AIEC, além de estudar em uma instituição de ensino reconhecida, você tem a garantia de uma grade curricular completa e de professores muito qualificados, que preparam você direto para o mercado de trabalho.

Não perca mais tempo e entre em contato com a AIEC agora mesmo para se profissionalizar em finanças e aproveitar as oportunidades da área.

Gostou do artigo sobre curso de gestão financeira? Então, compartilhe o conteúdo em suas redes sociais e não se esqueça de deixar o seu comentário no campo abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *