O que é marketing e 32 tipos de marketing para seu negócio

O que é marketing se não estar em evidência, na mente do consumidor e em destaque no mercado?

Não é por acaso que fazer marketing é uma missão a ser vencida por toda marca e empresa de sucesso.

Mais do que isso, é preciso escolher qual estratégia é a mais adequada para determinada situação.

Sim, existem ferramentas diferentes e talvez haja certo espanto devido ao grande número de opções disponíveis.

Ou seja, um negócio não deve necessariamente ficar refém de um único tipo de marketing. Muito pelo contrário.

Quanto mais variadas forem as suas abordagens, maiores são as chances de atingir os objetivos.

Neste artigo, vamos conhecer um pouco mais sobre esse segmento tão importante para uma empresa, seja ela do tamanho que for. Fique conosco e boa leitura!

marketing

O que é marketing?

Muitas pessoas associam o marketing com propaganda. Não está errado, mas também está longe de ser a definição exata para o termo.

Para buscar um conceito mais preciso, nos baseamos na visão mais ampla trazida pela American Marketing Association (AMA), a associação de marketing dos Estados Unidos.

De acordo com a entidade, marketing é uma atividade que busca se comunicar com a sociedade por meio de iniciativas que agreguem valor a esse público.

Com essa interpretação da AMA, também evitamos incorrer em um erro muito comum quando falamos de marketing: não se trata apenas de vender por vender, mas sim de atender às necessidades dos consumidores, entregando algo significativo para eles, uma verdadeira proposta de valor.

Portanto, estamos falando de uma atividade que é muito mais complexa do que alguns poderiam supor. E entendê-la como realmente é faz toda a diferença.

Para que serve o marketing?

O marketing tem inúmeros objetivos – conforme veremos a seguir com os diferentes tipos que existem no mercado -, mas, via de regra, ele serve para duas coisas: atrair novos clientes e fidelizar os antigos.

Mas também para reforçar a autoridade de uma marca no mercado, elevá-la à condição de referência em determinado nicho ou construir uma imagem positiva sobre ela.

Para isso, é claro, são desenvolvidas uma série de ações que vão desde a valorização da marca através da responsabilidade social até promoções e políticas de benefícios.

O marketing é feito pensando em um público específico, conhecido como persona, que representa o perfil ideal de cliente em uma estratégia.

E ela é bem-sucedida quando leva em conta os interesses e necessidades dessa persona, mas sem deixar de focar nos objetivos traçados para as ações.

Como o marketing ajuda os negócios?

Um negócio só se torna rentável quando há lucro, ou seja, quando as receitas superam as despesas.

E para que essa equação funcione, você precisa de clientes: atraindo novos e mantendo os antigos. É justamente aí que entra o marketing.

Seja em momentos de crise ou não, investir nesse setor se mostra uma atitude muito inteligente.

Afinal, é necessário encontrar soluções criativas para continuar faturando, independentemente do que aponta o cenário econômico de momento.

É impressionante o resultado a curto, médio e longo prazo que um bom planejamento de marketing pode trazer para uma empresa.

E isso vai ficar mais claro conforme avançarmos no detalhamento dos tipos de marketing, logo à frente.

Como fazer marketing do jeito certo?

Para desenvolver um planejamento assertivo, é recomendado seguir um cronograma de ações.

E ele deve ter, entre outras etapas, as seguintes:

Defina sua persona

Mais do que definir um público-alvo, que é uma visão mais ampla do seu cliente, você deve delimitar as diferentes personas que compõem esse grupo de consumidores.

Assim, fica mais fácil elaborar um plano mais eficaz, que atenda, de fato, às necessidades dos seus fregueses, entregando a eles os valores que buscam.

Estude o mercado

Nada se cria, tudo se copia.

A famosa frase de Lavoisier vale muito também para o marketing.

Com tantas ideias que circulam por aí, é praticamente impossível fazer algo completamente novo.

Por isso, não se furte de usar algumas ações que deram certo em outras empresas como modelo para a estratégia que for montar para o seu negócio.

Também vale observar a concorrência para aprender com os seus erros.

Até porque você não precisa repetir na estratégia aquilo que não funcionou junto ao mesmo público que mira.

Defina suas estratégias com base nos seus objetivos

É claro que você não vai escolher uma abordagem que nada tenha a ver com o que a sua marca prega. Na hora de se inspirar, não se esqueça de levar em conta os seus objetivos.

Vale avaliar também quais são os seus recursos disponíveis, bem como as ferramentas que estão ao seu alcance e que podem entregar o resultado esperado.

Analise o desempenho

Será que a estratégia que você utilizou está entregando o desejado? Uma boa maneira de descobrir isso é lançar mão dos indicadores de desempenho, os chamados KPIs.

Eles são ótimos instrumentos para mensurar a eficiência dos processos utilizados pela empresa e se estão em sintonia com os valores defendidos pela companhia.

marketing

32 tipos de marketing

Não existem uma, duas ou três modalidades de marketing. Elas são centenas.

Mas para não estendermos demais a lista, separamos 32 dos tipos mais usuais.

Confira detalhes sobre cada um deles.

1. O que é marketing digital?

É um dos modelos mais utilizados devido ao uso cada vez mais massivo do ambiente digital.

Reúne diversas estratégias que podem ser aproveitadas em blogs, redes sociais, aplicativos e sites na web em geral.

Ele abarca outros tipos de divulgação também, como o marketing de busca e o de conteúdo.

2. O que é marketing pessoal?

Serve para enaltecer aspectos positivos da imagem de uma pessoa.

É muito usado por celebridades que, de alguma forma, têm a idolatria contestada.

Também por consultores, advogados, freelancers e autônomos, cujo produto de venda são eles próprios e os serviços que podem oferecer.

3. O que é marketing multinível ou de rede?

Como o próprio nome diz, é a modalidade em que é criada uma rede de revendedores de produtos ou serviços, pela qual os agentes recebem comissão pelas vendas.

Diversas empresas se notabilizam por esse modelo de marketing multinível, como Avon e Herbalife, por exemplo.

4. O que é marketing de relacionamento?

Tem como principal objetivo criar um vínculo forte e duradouro com os consumidores.

Iniciativas comuns do marketing de relacionamento são os famosos programas de fidelidade, que oferecem prêmios e bonificações aos clientes por comprarem produtos ou serviços na empresa.

5. O que é marketing de conteúdo?

É um tipo de marketing que busca entregar materiais relevantes ao público-alvo, com o intuito de gerar engajamento entre marca e consumidor.

O marketing de conteúdo pode ser feito por meio de desenvolvimento de blogs, criação de e-books e manutenção e gerenciamento de redes sociais, por exemplo.

6. O que é marketing direto?

Também conhecido como marketing de dados, é a abordagem de venda mais direta, que se utiliza dos contatos dos consumidores para divulgar produtos e serviços.

Entre os canais mais utilizados pelo marketing direto, estão o telemarketing, o email-marketing e o SMS marketing.

7. O que é marketing social?

Relacionado com a responsabilidade social, essa modalidade busca muito mais do que somente vender.

Procura ligar a marca com causas importantes que promovam a reflexão de determinadas atitudes.

Campanhas de conscientização ambiental, contra preconceitos e em parcerias com ONGs são exemplos de marketing social.

8. O que é marketing de afiliados?

O conceito está relacionado à venda de infoprodutos, como cursos online e livros digitais.

As marcas e empresas que disponibilizam itens e serviços na web contam com afiliados, que se tornam parceiros na divulgação e vendas.

Assim, quando uma conversão é feita, o afiliado recebe um tipo de incentivo. Em geral, uma comissão percentual sobre o valor da venda.

É uma estratégia bem comum no meio digital e, normalmente, viabilizada pelo redirecionamento a páginas e links desses parceiros.

9. O que é marketing de serviços?

Diz respeito às estratégias de prestação de serviços ao cliente.

Um exemplo claro desse tipo de marketing são os SACs (Serviço de Atendimento ao Consumidor), que prestam atendimento especializado aos consumidores.

10. O que é marketing verde?

É parecido com o marketing social, mas com iniciativas mais voltadas à preservação do meio ambiente e à responsabilidade ambiental.

Também é conhecido como ecomarketing.

11. O que é marketing esportivo?

Busca patrocinadores e outras oportunidades para que atletas, clubes e demais participantes do mundo esportivo possam desenvolver sua imagem da melhor maneira possível.

12. O que é marketing viral?

É aquele tipo de propaganda que vira febre nas redes sociais e nas mídias tradicionais: não importa onde, as pessoas estão comentando sobre o que viram e até repetindo a iniciativa.

Esse é o objetivo de boa parte das estratégias de marketing.

Afinal, ao se tornar viral, o marketing leva a sua empresa a ter maior visibilidade, ampliando o alcance da marca.

13. O que é marketing de guerrilha?

Uma forma de divulgar a marca de forma pouco convencional, que se vale de ações com referência direta a um concorrente.

Logo, é necessário muito mais criatividade do que recursos.

Mas a mensagem deve ser sutil e pouco agressiva.

Um exemplo comum é a guerrilha permanente entre as ações de marketing de Burger King e McDonald’s.

14. O que é marketing institucional?

Muito mais do que vender produtos, o grande objetivo aqui é valorizar a marca e seus valores.

A imagem institucional pode ser impactada positivamente com o incremento de outras modalidades de marketing, como o social.

15. O que é marketing holístico?

O marketing, muitas vezes, é visto como um setor à parte de uma companhia. Mas isso não ocorre quando estamos falando do marketing holístico.

Nele, todos os segmentos trabalham em conjunto para o desenvolvimento e a aplicação das estratégias mais corretas.

16. O que é marketing estratégico?

É um modelo que pensa mais a longo prazo, no impacto que determinada postura pode gerar em um cenário mais distante.

Normalmente, envolve os gestores e as pessoas mais importantes dentro do contexto organizacional.

17. O que é marketing político?

Conforme o próprio nome, tem relação com o cenário político, como o de campanhas eleitorais – mas que não aparece somente nelas.

Como exemplo recente, você deve lembrar que o governo federal fez campanhas em diversos canais para sensibilizar a população quanto à Reforma da Previdência.

18. O que é marketing de nicho?

Mesmo dentro de um segmento específico, é possível conter outros nichos nele.

Por exemplo, no ramo do vestuário, existem roupas para gestantes, uniformes para profissionais, e assim por diante.

Para cada uma dessas particularidades, existe um tipo de marketing de nicho.

19. O que é marketing societal?

É outro nome dado ao marketing social.

Cada vez mais, os consumidores se preocupam com a imagem de uma marca na hora de comprar.

Por isso, é importante investir em estratégias responsáveis, não só para atrair clientes, mas como uma questão de princípios.

O marketing de filantropia – aquele que contribui com projetos beneficentes – é um tipo de marketing societal.

20. O que é marketing multimídia?

Muito mais do que um tipo, o marketing multimídia diz respeito aos canais em que a mensagem é passada.

Uma mesma campanha pode ser veiculada em diferentes veículos (redes sociais, blogs, tv e rádio, por exemplo), respeitando as particularidades de cada um.

21. O que é marketing sensorial?

É o tipo de marketing que deseja despertar os sentidos do consumidor.

Quem nunca passou por uma loja e ficou com curiosidade de entrar só por causa de uma espetacular paleta de cores no design ou pela fragrância convidativa?

Aí está um belo exemplo de como as sensações são exploradas nessa estratégia.

22. O que é marketing promocional?

Conjunto de iniciativas pontuais, que têm como principal objetivo estimular o consumo dos clientes.

Descontos, promoções, amostras grátis e brindes são bons exemplos desse modelo.

Também sorteios em redes sociais, como Facebook e Instagram, mostram um lado mais moderno da estratégia.

23. O que é marketing interno (endomarketing)?

Não apenas o público-alvo precisa de estímulo para consumir.

Os colaboradores também devem se sentir motivados e engajados para desempenhar um bom trabalho.

E é esse, justamente, o principal objetivo do chamado endomarketing, ou marketing interno.

24. O que é marketing cultural?

É aquele que aproxima a empresa de eventos culturais, com o intuito de fortalecer a imagem do negócio como uma incentivadora da arte.

Patrocínios de espetáculos, filmes e shows são exemplos dessa modalidade.

25. O que é marketing B2B?

B2B quer dizer business to business ou, em português, de negócio para negócio.

O marketing B2B, portanto, faz referência às operações entre empresas.

O objetivo é olhar a concorrência e o cenário atual para pensar em estratégias com o intuito de prospectar novos clientes e impulsionar a marca.

26. O que é marketing B2C?

Já o B2C – business to consumer ou negócio para consumidor – é voltado ao consumidor final.

Assim, busca definir as personas da sua campanha com base no comportamento das próprias pessoas e não de suas concorrentes ou segmento de atuação.

27. O que é marketing inbound?

Também chamado de marketing de atração, tem como principal objetivo atrair (inbound) novos clientes.

Para isso, lança mão de diversas estratégias, como o marketing de conteúdo, funil de vendas, entre outros.

A ideia é despertar um interesse genuíno no consumidor.

28. O que é marketing outbound?

Já o marketing outbound, ou marketing de interrupção, representa aquela visão mais tradicional da divulgação, que busca conquistar consumidores através da venda de produtos e serviços.

A mala direta é um exemplo desse modelo, assim como anúncios em outdoors nas ruas, em rádio, jornal e televisão.

Como característica principal, as pessoas são impactadas pelas ações quando não esperam por elas.

É o contrário do inbound, onde o consumidor vai ao encontro das marcas e empresas.

29. O que é marketing de redes sociais?

É o conjunto de estratégias utilizadas no Facebook, Instagram, Twitter e outras redes sociais.

Tem o objetivo de interagir com o público e também ter mais assertividade na definição das suas personas.

Traz uma série de esforços para conquistar seguidores, interagir com a audiência e manter uma marca viva na mente das pessoas que frequentam essas plataformas.

Vale lembrar que, apenas o Facebook, já conta com mais de 2,4 bilhões de usuários em todo o mundo – 127 milhões apenas no Brasil.

Como ignorar esse potencial em um bom plano de marketing?

30. O que é marketing de busca?

Modalidade que se vale do ranqueamento de publicações em páginas de busca (como no Google), seja por meio de links patrocinados ou divulgação orgânica.

Assim, a empresa consegue desenvolver conteúdos com base no que os consumidores estão procurando mais na internet.

Figurar no topo dos buscadores é importante, por exemplo, porque 70% das pessoas preferem conhecer marcas a partir de artigos e não anúncios, segundo revelou uma pesquisa da Demand Metric.

31. O que é marketing de influenciadores?

Os digitais influencers (influenciadores digitais) têm ganhado cada vez mais espaço no mundo atual.

Com seus blogs e canais na internet, conseguem atrair milhões de seguidores.

E o marketing de influenciadores busca usar toda essa visibilidade para promover marcas, produtos e serviços.

Para tanto, são realizadas parcerias, procurando dar uma cara famosa às soluções oferecidas pela empresa.

32. O que é marketing de proximidade?

Quem nunca foi a determinado lugar e começou a receber conteúdos relacionados ao espaço onde está, sem ao menos procurar por isso?

Pode ter certeza de que esse ambiente utiliza o marketing de proximidade, que acessa a sua localização através do GPS e passa a mandar notificações para você, diretamente no seu smartphone.

marketing

Conclusão

Como vimos neste artigo, opções de marketing não faltam.

Especialmente fazendo uso dos canais digitais (mas também no meio offline), é possível alcançar um número maior de pessoas, reforçar a autoridade de uma marca e vender mais.

Cabe ao gestor da estratégia escolher quais são os tipos de marketing e as ações que melhor se encaixam nos objetivos da organização.

Formar líderes e gestores é um compromisso da Associação Internacional de Educação Continuada – AIEC. Aproveite, então, para visitar nosso site e conhecer as opções de cursos.

Gostou do artigo? Tudo mais claro agora?

Então, compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais, mostre aos seus amigos, e não se esqueça de deixar um comentário sobre o que acabou de ler.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *