Tudo sobre o curso de Administração de Empresas

Um curso de Administração de Empresas abre muitas oportunidades na trajetória profissional.

E isso vale não apenas para quem é dono de um negócio, por exemplo – apesar de a formação ser muito valiosa nesse cenário.

Você talvez já tenha lido em algum lugar a frase que diz: “Administração é para administrador”.

Então, para esse profissional estar habilitado, é preciso antes frequentar um dos muitos cursos de Administração de Empresas credenciados no Brasil.

Essa é a porta de entrada para uma profissão rica, estimulante e cheia de desafios.

Um bom exemplo disso está no que o próprio mercado de trabalho aponta.

Segundo o Guia Salarial Robert Half, que já está na sua versão 2020, os salários para administradores na área de Recursos Humanos podem chegar a até R$ 22 mil. Nada mal, não é mesmo?

E olha que estamos falando sobre apenas um dos segmentos de atuação possíveis para aquele que busca esse curso superior.

Mas para fazer jus a esse belo salário, é preciso, em primeiro lugar, se qualificar, já que a concorrência é feroz.

Por isso, este artigo foi feito para orientar você a respeito da carreira e, principalmente, sobre o curso de Administração de Empresas.

A partir de agora, você vai conhecer detalhes sobre a formação, descobrir quais são as suas principais disciplinas, quanto tempo ela dura, tipos de cursos na área, onde trabalha o administrador e muito mais.

Este é um guia valioso para a sua decisão.

Se você tem interesse no assunto, o seu lugar é aqui.

Tenha uma excelente leitura!

administracao de empresas

Curso de Administração de Empresas: o que é?

O curso de Administração de Empresas é uma formação de Ensino Superior, devidamente regulamentada no Brasil.

Embora exista a opção enquanto curso técnico (sobre a qual vamos falar mais à frente), o mais comum é que o administrador passe por uma faculdade ou universidade para dar início à sua carreira.

Hoje, com o avanço da tecnologia, é possível fazer isso em modalidades presenciais ou a distância.

Para responder à pergunta que abre este tópico, vale evocar a Lei nº 4.769/65, na qual são dispostas as exigências para exercício da profissão de técnico em Administração.

Seu artigo 3º, nesse aspecto, não poderia ser mais claro. Observe:

“O exercício da profissão de Técnico de Administração é privativo:

a) dos bacharéis em Administração Pública ou de Empresas, diplomados no Brasil, em cursos regulares de ensino superior, oficial, oficializado ou reconhecido, cujo currículo seja fixado pelo Conselho Federal de Educação, nos termos da Lei nº 4.024, de 20 de dezembro de 1961.”

Assim sendo, o curso de Administração de Empresas é aquele no qual se formam os profissionais autorizados a exercer a profissão conforme os limites estabelecidos em lei.

Significa que somente nesse curso é possível obter o diploma indispensável para ser, de fato e de direito, um administrador de empresas.

Por sua vez, todos os cursos de bacharelado devem ser autorizados pelo MEC, o Ministério da Educação.

Se você tem dúvidas sobre um curso em especial, basta fazer uma consulta no portal e-MEC para saber se ele está autorizado a funcionar.

O que se aprende no curso de Administração de Empresas

Embora um administrador formado deva ter conhecimentos sólidos em cálculos e métodos estatísticos, o curso de bacharelado pertence ao campo de Ciências Humanas.

Significa que, ao longo dos períodos em que frequentar as aulas, o aluno terá contato com disciplinas ligadas à ética, à filosofia, ao direito e ao comportamento, entre outras.

Dessa forma, o futuro profissional agrega competências para gerir pessoas, orientar atividades e, ao mesmo tempo, gerar e avaliar resultados.

Um administrador deve ser um especialista em relações humanas, mas sem se descuidar do controle e da mensuração de dados.

Afinal, uma coisa é tratar de aspectos como faturamento e custos operacionais e outra, bem diferente, é recrutar e motivar talentos.

Essas e outras habilidades deverão ser desenvolvidas e, depois de formado, o administrador deverá ser capaz de aplicá-las no contexto empresarial.

Grandes poderes, grandes responsabilidades, certo?

Pois essa famosa frase de Benjamin “Ben” Parker, no filme Homem-Aranha, sintetiza como poucas o espírito dessa profissão.

Administrar é, além de um conjunto de técnicas, uma arte que deve ser ensinada por quem tem preparo e competência.

Disciplinas do curso de Administração de Empresas

Por esses e outros motivos, o curso de Administração de Empresas é estruturados em disciplinas básicas nos primeiros períodos.

Elas servem para dar ao futuro gestor a base de conhecimento teórica necessária para assimilar as disciplinas mais técnicas.

Se você tem curiosidade para saber quais são essas disciplinas, veja quais delas compõem a grade curricular do curso de Administração de Empresas da AIEC:

  • Filosofia e ética na administração
  • Formação de líderes
  • Métodos e técnicas de pesquisa
  • Teoria geral da administração
  • Psicologia organizacional
  • Contabilidade básica
  • Funções administrativas
  • Matemática e lógica
  • Gestão empreendedora
  • Administração mercadológica
  • Comunicação empresarial
  • Estatística aplicada à administração
  • Pesquisa mercadológica e organizacional
  • Análise das demonstrações financeiras
  • Noções gerais de direito
  • Atividades complementares e cidadania
  • Contabilidade gerencial
  • Administração da produção
  • Matemática financeira
  • Inteligência competitiva
  • Marketing estratégico
  • Administração de pessoas
  • Administração estratégica
  • Microeconomia
  • Administração de recursos materiais e patrimoniais
  • Modelagem e simulação de negócios
  • Administração financeira e orçamentária
  • Sistemas de informações gerenciais
  • Logística empresarial
  • Macroeconomia
  • Marketing de relacionamento
  • Plano de negócio
  • Sociologia das organizações
  • Mercado de capitais
  • Gestão contemporânea
  • Gestão de pessoas
  • Gestão de marketing
  • Gestão do conhecimento
  • Economia internacional
  • Negociação empresarial
  • Gestão financeira
  • Gestão da produção.

E não podemos esquecer do famoso trabalho de conclusão de curso, etapa que consiste em uma monografia final, geralmente dividida em dois semestres.

Quanto tempo dura o curso de Administração de Empresas

Normalmente, o curso de Administração de Empresas dura quatro anos, sendo dividido em oito períodos semestrais.

Contudo, essa duração depende mais da iniciativa e das condições do aluno em matricular-se nas disciplinas certas em cada fase do curso.

Isso porque as faculdades trabalham no sistema de créditos, no qual existe uma certa liberdade para se matricular nas disciplinas mais convenientes.

Ou seja, se um período é composto por seis disciplinas, mas você só se matricular em quatro, será mais difícil conseguir fechar todos os créditos no período seguinte.

Em muitos casos, essas matérias que são deixadas para trás no começo do curso custam um tempo valioso e levam o aluno a se formar em mais tempo.

Portanto, ao conseguir sua vaga na faculdade de administração, procure gerir bem os seus processos de matrícula a cada período.

Isso, claro, se você realmente estiver empenhado em terminar a faculdade em quatro anos, que é o que acreditamos ser o que você quer.

administracao de empresas

Tipos de formação em Administração de Empresas

Existem alternativas para quem não dispõe de quatro ou mais anos para terminar um curso superior de Administração de Empresas.

Claro que o bacharelado tende sempre a ser a melhor escolha, já que garante uma formação mais completa, além de ser mais amplamente aceito.

No entanto, para quem quer ganhar tempo e experiência o mais rápido possível, há no mercado modalidades que podem ser tão interessantes quanto o próprio bacharelado.

Dessa forma, você poderá optar pelos cursos do tipo tecnólogo ou técnico, ambos respaldados legalmente para formar gestores.

Os primeiros estão amparados desde o Parecer CFE nº 1.060/73, que instituiu as bases para os chamados cursos superiores de tecnologia.

Esses cursos, em geral, podem ser concluídos dentro de três e até dois anos.

Já os de nível técnico têm como vantagem ser de ainda mais curta duração, embora sejam de nível médio.

Veja, na sequência, como cada um deles funciona no Brasil.

Bacharelado em Administração

Como já vimos, o bacharelado em Administração é o curso mais completo, no qual o futuro gestor aprenderá um amplo espectro de disciplinas e competências profissionais.

Sendo assim, é naturalmente a modalidade que demanda mais tempo para ser concluída.

É a melhor alternativa para quem pretende seguir carreira como administrador ou competir em melhores condições no mercado de trabalho.

Por outro lado, o investimento a ser feito deverá ser proporcional, tanto em tempo quanto em recursos financeiros.

Vale uma análise criteriosa de suas próprias condições antes de se decidir por essa modalidade.

Tecnólogo em Administração

Já os cursos de tecnólogo em Administração têm como vantagem serem formações de nível superior que exigem menos tempo para conclusão.

Também costumam demandar menor investimento, embora alguns tenham mensalidades equiparáveis aos cursos do tipo bacharelado.

São indicados, por exemplo, para pessoas que trabalham ou que já exerçam cargos administrativos e estejam projetando ascensão profissional.

Nesses casos, a vantagem está na composição mais enxuta desses cursos, nos quais boa parte das matérias básicas do bacharelado sai de cena.

Técnico em Administração

Finalmente, temos o curso técnico em Administração, voltado para a formação de profissionais de nível médio para exercer funções de apoio à gestão.

Assim sendo, são mais indicados para jovens que estejam terminando o Ensino Fundamental e desejam ingressar na carreira de administrador no futuro.

Uma característica interessante dos cursos técnicos, a exemplo dos tecnológicos e alguns de bacharelado, é que muitos contam com modalidade de Ensino a Distância (EaD).

Por isso, são também indicados para pessoas que, por motivos profissionais, não tenham disponibilidade para se dedicar a uma graduação.

Ainda, como duram em média um ano, são também mais baratos e acessíveis em termos financeiros.

Onde atua o profissional formado em Administração?

O profissional formado em Administração pode atuar em uma série de funções e atividades ligadas à gestão de empresas, negócios, instituições ou órgãos públicos.

Claro que, por excelência, a função em que esse especialista é mais requisitado é a de gestor de Recursos Humanos.

No entanto, existe um amplo leque de possibilidades que vão do RH, passando pela controladoria até chegar ao marketing.

Outra possibilidade é atuar na formação e gestão do próprio negócio, afinal, o empreendedorismo está em alta no Brasil.

Tudo vai depender da vocação, experiência e, claro, da formação.

Seja como for, uma coisa é certa: possibilidades de carreira e de crescimento não vão faltar.

O mesmo vale para os que se formam nos cursos de tecnólogo e técnico.

Com foco, disciplina e aperfeiçoamento constante, as chances de progredir na carreira são bastante altas.

Por outro lado, é importante que você faça uma auto avaliação criteriosa de seus objetivos profissionais e de suas aptidões.

Um teste vocacional é indicado, embora ele não deva ser o único critério a se considerar.

Lembre-se de que uma escolha feita no impulso ou pouco estudada pode custar muito caro no futuro.

Como é o curso de Administração de Empresas a distância (EaD)?

Como explicamos antes, o curso de Administração de Empresas pode ser oferecido tanto na modalidade presencial quanto a distância.

E é importante deixar claro que ambas são regulamentadas no país e oferecem ao mercado profissionais capacitados.

Segundo o Portal do Ministério da Educação:

“As bases legais da Educação a Distância no Brasil foram estabelecidas pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei n.º 9394, de 20 de dezembro de 1996), pelo Decreto n.º 2494, de 10 de fevereiro de 1998 (publicado no D.O.U. DE 11/02/98), Decreto n.º 2561, de 27 de abril de 1998 (publicado no D.O.U. de 28/04/98) e pela Portaria Ministerial n.º 301, de 07 de abril de 1998 (publicada no D.O.U. de 09/04/98)”.

Pelo texto constitucional, percebe-se que a modalidade de ensino a distância é, de certa forma, recente no Brasil.

Ainda assim, isso não impediu que ela registrasse, ano após ano, expressivos índices de crescimento.

De acordo com o último censo da Educação Superior, publicado na revista Forbes e feito pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o EaD cresceu 176% entre 2016 e 2017.

Do total de alunos matriculados no ensino superior, 21,2% pertencem a cursos de ensino a distância, o que evidencia a força dessa modalidade que veio para ficar.

Um curso de Administração de Empresas EaD, portanto, aborda as mesmas disciplinas e tem os mesmos objetivos daquele oferecido presencialmente.

O que muda é o uso de ferramentas digitais, como um ambiente virtual de aprendizagem, onde os conteúdos são consumidos e a interação acontece entre professor e aluno.

Qual o melhor curso de Administração de Empresas?

Quando você vai à internet em busca de informações sobre um curso de Administração de Empresas, é natural que queira se inscrever no melhor.

Essa é uma avaliação subjetiva e pessoal, embora existam mecanismos muito válidos para livrar o estudante de ciladas, como a já citada consulta no site do MEC.

O melhor curso, portanto, é aquele que oferece uma metodologia de ensino que combine com seus interesses, que conte com disciplinas que você julga importante e que tenha reconhecimento no mercado.

Nesse sentido, não deixe de considerar o bacharelado em Administração da AIEC, onde você pode desenvolver importantes habilidades para se destacar na carreira.

A grade curricular, que já mostramos antes, tem como base programas de administração de prestígio, como Harvard e MIT, dos Estados Unidos.

Entre outros objetivos, o bacharelado em Administração da AIEC prepara o aluno para:

  • Dar início ao próprio negócio
  • Alcançar uma promoção dentro da atual empresa
  • Ampliar sua competitividade pelas melhores vagas no mercado
  • Elevar seus rendimentos mensais.

A AIEC é a única faculdade a distância do Brasil com certificação internacional ISO 9001 e reconhecimento pelo MEC.

Conta com excelente estrutura acadêmica, que se soma às vantagens práticas do ensino a distância.

Visite a página do curso para saber mais.

administracao de empresas

Conclusão

Um curso de Administração de Empresas, sem dúvida, abre portas para muitas conquistas.

Quanto melhor você estiver preparado para essa carreira, mais chances de ser admitido nas melhores vagas e ganhar salários cada vez mais altos.

Como acabamos de ver, sua trajetória pode começar em cursos técnicos, de bacharelado ou de EaD.

Se a sua opção for pelo bacharelado a distância, conte com a AIEC na sua jornada.

Aproveite e deixe seus comentários logo abaixo. A gente quer saber quais são as suas expectativas e o que espera de um curso superior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *